A Reforma que não sairá

Foram gastos só no primeiro semestre deste ano mais de R$100 milhões em propaganda pelo governo. Nestes últimos seis meses a previsão é de mais de R$200 milhões. O Grupo Globo foi o que mais ganhou. Através da Globo e GloboNews é simples observar o volume de patrocínio do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, BNDES, Banco do Nordeste e dos ministérios, da Educação, Minas e Energia e outros. O Grupo Globo chegou a encomendar matérias no exterior e massacrou a classe trabalhadora brasileira. Só esqueceu de uma coisa, já não tem a mesma credibilidade que teve no passado. Imaginem se em pleno ano eleitoral, 2018, senadores e deputados vão votar a Reforma da Previdência? É mais uma mentira. Quem viver verá.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: