Eleição e Carnaval no Rio

Não é absurdo comparar eleição com desfile de escolas de samba no Rio de Janeiro. Se o desfile traz novidade, criatividade, luxo, gente famosa, e samba enredo fácil de cantar, emociona e contagia, faz a arquibancada balançar, tem os aplausos e voto dos foliões. A importância social do tema que é defendido ou de quem é homenageado não importa. Só que no Carnaval, não é o voto do folião que define o vencedor e sim um juri, especializado, técnico, que também se preocupa com a importância social do desfile e o que ele representa. Na eleição o voto também sai da empolgação com a campanha, com a imagem e o discurso do candidato, com momento político. É a admiração que geralmente define a escolha, sem o cuidado de saber o que o candidato e o partido representam. E na eleição é o voto do povo que define. A escolha de uma escola não tem consequências graves como a escolha de um candidato que atinge diretamente a sociedade, a vida de um povo. Pelos resultados, parece que foi assim que a maioria dos eleitores do Rio de Janeiro escolheu seus candidatos nos últimos tempos, e esta falta de responsabilidade com o voto, só surpreendeu negativamente. Garotinhos, Rosinhas, Cabrais, Pezões, Crivellas destruíram, desmoralizaram, impediram o Rio de seguir o curso natural de uma Cidade Maravilhosa, que a todos sempre encantou e seduziu.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: