Operação Cartão Vermelho

No dia 13 de dezembro do ano passado, este blog noticiou que a juíza Patrícia Kertzman errara em mandar arquivar um processo contra o ex-ministro e ex-governador Jaques Wagner no Tribunal Regional Eleitoral da Bahia. A Operação Cartão Vermelho que foi deflagrada ontem em Salvador contra Wagner e seus amigos Bruno Dauster, Chefe da Casa Civil da Bahia, e Carlos Daltro, provou que na construção da Arena Fonte Nova Wagner recebeu milhões de reais da Odebrecht e da OAS. Sigilosamente o ex-governador da Bahia esteve em Brasília na última sexta-feira afim de tentar barrar a ação da Polícia Federal. Não conseguiu, mas evitou que a Justiça decretasse a sua prisão e dos amigos, Bruno Dauster e Carlos Daltro. Podem anotar, vem novos personagens e novos detalhes sobre um período em que, a pretexto de construir estádios para a Copa do Mundo, muitos governantes ganharam milhões de dólares e reais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: