A Copa pós Copa no Brasil

A Copa começou mas o país parece não estar tão no clima assim. Falta emoção nas ruas, aquela esperança nos rostos, criatividade nas  campanhas de TV e, até em coberturas jornalísticas, alguns profissionais parecem meio “sem graça”. Não deve ser falta de confiança na seleção de Tite; os problemas no Brasil são tantos e tão perto de todos, que o famoso espírito brasileiro parece meio perdido. Desta vez, o país está diferente. A  Copa no Brasil deixou marcas inesquecíveis. Os sete gols da Alemanha ainda doem, mas com certeza não foi a derrota mais grave, diante das promessas de legado, obras inacabadas, superfaturamentos, abandono de estádios onde foram investidas verdadeiras fortunas e dinheiro público jogado fora. Copa para o brasileiro virou sinônimo de corrupção, roubo, propina e talvez por isso, nem o próprio torcedor consiga entender o que se passa com suas emoções, invadidas por uma grande dose de crimes, que entraram em nossas veias, até subliminarmente, e que nos impedem, mesmo contra nossa vontade, de nos emocionar. Infelizmente nem todos vivem esta  experiência, mas este é um momento de esperança pra quem clama por responsabilidade, a um povo que tem lavado suas mãos e deixado o país nas mãos de quem lava dinheiro e tem a corrupção como cartilha da vida. Não precisa deixar de torcer, vibrar pela seleção, mas é hora de tentar acertar, transformar esta energia do momento em reflexão e atitude, fazer um gol na urna com compromisso ético,  moral e social. Oxalá, que os brasileiros consigam desta vez formar um bom time de políticos, e dar pelo menos uma vitória de esperança ao Brasil.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: