CNJ alheio

O Conselho Nacional de Justiça fica omisso nas irregularidades praticadas pelo tribunais regionais. Não é sem razão que a Justiça no Brasil chega à índices de rejeição históricos. O Tribunal da Bahia é um exemplo.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: