Celso Jacob também

O deputado federal Celso Jacob, foi preso por falsificação de documento público e dispensa de licitação, crimes cometidos quando era prefeito de Três Rios (RJ). Semana passada o processo de cassação do mandato de Jacob foi arquivado por unanimidade pelo Conselho de Ética da Câmara, com a justificativa de que ele não obteve vantagem econômica. Celso Jacob chegou à Câmara como quinto suplente. Hoje dizem que serviu como bode expiatório e seus crimes, diante dos cometidos por seus colegas de Congresso, são considerados quase insignificantes. Como não foi cassado, Celso Jacob, o homem do queijo no bolso, vai fazer campanha e tentar se reeleger, enquanto tenta no STF anular sua condenação. Lula está na cadeia e Jacob em regime aberto, em casa. E onde está o TSE?

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: