Tsunami mineiro

A contagem das vítimas do tsunami que varreu no primeiro turno das eleições deste ano dezenas de figuras políticas tradicionais da política mineira está longe de terminar. Além de Pimentel, Dilma e de vários deputados que não foram reeleitos, a expectativa é que, com a eleição do empresário Romeu Zema (NOVO), milhares de servidores e empresários que sempre viveram das tetas do governo mineiro e de suas estatais sejam as próximas vítimas do tsunami, que só poderá ser comparado à tragédia de Mariana, mas que, diferentemente da última, nunca será esquecida.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: