Fuga presidencial

O presidente Michel Temer embarcou às pressas neste final de semana para São Paulo. Uma nova e grave denúncia foi desfechada contra ele, seu ministro Moreira Franco e seu amigo famoso, Coronel Lima. O autor da denúncia foi o dono da Engevix, José Antunes, que em depoimento na Justiça e na Polícia Federal disse ter entregue ao Coronel Lima 1 milhão de reais para facilitar a sua vida em obras na Eletronuclear. Este final de governo tem sido desastroso para Temer e a sua turma porque já estão na cadeia Eduardo Cunha o ex-ministro Geddel Vieira Lima o ex-ministro Henrique Eduardo Alves em prisão domiciliar, e por certo que ele, Moreira Franco e Eliseu Padilha dificilmente não farão companhia aos seus companheiros depois do dia 1 de janeiro de 2019.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: