Sem fidúcia

Os esquemas financeiros envolvendo a empresária Raquel Moura Borges tem chamado a atenção do mercado financeiro. Especialista em sumir com o dinheiro de clientes, Raquel também aparece como doadora de destaque da escola Graded de São Paulo. Como o conselho da escola é presidido por Roberto Sallouti, que desde a prisão de André Esteves assumiu a presidência do banco BTG, fica a dúvida se a escola possui filtros para não receber dinheiro de crime como doações. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: