E assim funciona o Brasil

As acusações contra o médium João de Deus não param, e a quantidade de dinheiro encontrada na casa dele, serve de alerta para os órgãos de fiscalização do governo em obras filantrópicas. Com exceções, muitas entidades usam o dinheiro como bem entendem, sem prestar conta do que entra e sai de seus caixas, enriquecendo muitos dirigentes. Não existe cobrança de imposto sobre doações, mas elas devem ser declaradas. O advogado de João de Deus, Alberto Toron, disse que “muito do dinheiro encontrado tem a ver com antigas doações”. Já foram encontrados até agora, na casa do médium, em dinheiro,1 milhão e 600 mil reais. João de Deus também baixou 35 milhões de reais de aplicações financeiras.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: