Geddel, o irrecuperável

Condenado a 80 anos de prisão, o ex-ministro Geddel Vieira Lima é personagem de uma devastadora matéria de nove páginas na edição desta semana da revista Veja. Os seus 600 dias de prisão até agora são repletos de fatos que só fazem comprometer mais ainda o ex-ministro. A juíza de execuções penais afirma sobre Geddel: “Os documentos que recebi revelam que Geddel tem demonstrado comportamento muito inadequado, inclusive com forte indícios em prática de crime e da subversão da ordem e da disciplina penitenciárias”. Já a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, que pediu 80 anos de prisão para Geddel, afirma: “a multiplicidade de atos criminosos de lavagem revela uma personalidade voltada ao crime, à lesão, à moralidade, à administração da justiça e da própria ordem econômica”.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: