Rali da proteína II

A forte queda da produção chinesa de proteínas animais não poderia ter ocorrido em um momento mais favorável para o Brasil. Prestes a fechar um acordo comercial com os Estados Unidos, os chineses terão que ser extremamente cautelosos para alterar o status de fornecedor estratégico de alimentos e matéria prima concedido ao Brasil há anos.  

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: