Silêncio preocupante

As forças armadas estão em silêncio. A última decisão do STF de arquivar mais de 100 processos contra ex e atuais ministros da própria corte, continua agitando Brasília. Ontem, o Senado em sessão especial homenageou o general Eduardo Villas Bôas num ato significativo onde estavam presentes o vice-presidente da República, o chefe do Exército, a Procuradora-Geral da República Raquel Dodge e os comandantes da Marinha e Arronáutica. O general Villas Bôas foi responsável pela manutenção da democracia quando o desastre Dilma Rousseff agitou o país e muitas vozes queriam a volta dos militares no comando do Brasil. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: