Aécio derrota Doria e Covas

A executiva nacional do PSDB não aceitou os pedidos do governador João Doria e do prefeito de São Paulo, Bruno Covas, para expulsar o deputado federal Aécio Neves do partido. A derrota dos dois repercutiu ontem em Brasília e São Paulo. Aécio tem os velhos tucanos a seu lado como Fernando Henrique, José Serra, Alberto Goldman, Geraldo Alckmin e outros que não aceitaram o que queria João Doria. E pensar que na véspera, João Doria esteve em Brasília e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia do DEM, selou aliança com ele para sucessão presidencial. Não ouviu ninguém nem mesmo o nome mais importante do DEM que é o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, o único demista, aliás, que tem visibilidade e prestígio nacional. PSDB e DEM estão sem comando.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: