A Odebrecht e os tribunais superiores

Em Curitiba onde continua preso, Maurício Ferro já prestou três depoimentos. A força-tarefa quer que ele explique os constantes contatos que ele tinha no STF e no STJ para modificar legislações que beneficiavam a Odebrecht. O cunhado dele, Marcelo Odebrecht, tem ajudado o Ministério Público Federal e a Polícia Federal sobre as ações de Maurício Ferro.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: