DIREITO DE RESPOSTA

O blog foi procurado pelo empresário Gervásio Meneses para responder à publicação sobre sua situação junto à justiça. Enviou uma certidão da justiça do trabalho de um único processo de uma ex-empregada onde confirma-se que houve parcelamento dos débitos trabalhistas daquele processo e que está em dia com os pagamentos parcelados. Em rápida consulta ao processo indicado, constatou-se que a FTC confessou junto à Caixa Federal o não recolhimento do FGTS. Ademais houve condenação por assédio moral, horas extras e reflexos no aviso prévio, férias com 1/3, gratificação natalina, FGTS com 40% e repouso remunerado. Apesar da resposta enviada, tem-se notícia nesse veículo de informação que o valor devido por Gervásio é muito maior do que o único processo exibido. Em tempos de reforma da previdência por insuficiência de caixa dos governos para pagar a aposentadoria de idosos, empresários que deixam de recolher as contribuições previdenciárias durante o contrato de trabalho são um mau exemplo digno de vergonha.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: