Prédio da Barra ainda vai ter confusão

A construção do prédio na ladeira da Barra em Salvador, Bahia, que foi interrompida e levou o ministro Geddel Vieira Lima à prisão, vai ter desdobramentos. Alguns documentos foram encontrados e tinham como candidatos à compra Moreira Franco, Eduardo Cunha e Michel Temer. Os dados estão sendo checados.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: