Decifra-me ou te devoro II

Aliás, até agora, o ministro Teich demonstra pouca assertividade administrativa nos resultados efetivos de sua pasta, e prova disso foi a opinião negativa de parlamentares que participaram de recente videoconferência com ele. Já em outras ocasiões, Nelson Teich demonstra pouca aptidão para o gerenciamento prático do MS, deixando o planejando e a administração das ações da pasta a cargo do general Eduardo Pazuello, o agora poderoso secretário-executivo do Ministério da Saúde. Pazuello vai se tornando o segundo “Posto Ipiranga” do governo Bolsonaro. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: