Política, “tô fora”!

A democracia corre grande perigo no país, considerando o desinteresse total às questões político-partidárias por parte dos jovens brasileiros. Falar de partido entre eles é “pagar mico geral”. Não é pra menos, pois numa “pandemia” de existência de mais de três dezenas de partidos no país, mostram-se irrelevantes, esdrúxulos e, na maioria das vezes, tomado por interesseiros. Partidos políticos, atualmente, não servem em nada na vida prática da população brasileira. Um dado significativo que comprova a derrocada dos partidos no futuro: mais de um milhão de filiados abandonaram as siglas partidárias nos últimos dois anos. E vão definhar ano a ano. Mesmo que ampliem seus caixas com recebimentos de monumentais verbas federais de fundos partidários.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: