Os quatro ministros marcados pela população

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, ofendeu o STF, além disso, também a população de Brasília. O ministro do Meio Ambiente, Roberto Salles, bateu forte e agora sofre uma campanha internacional de ambientalistas e cientistas brasileiros e estrangeiros. A ministra da mulher, Damares Alves, disse que iria prender governadores e prefeitos. O ministro da Economia, Paulo Guedes, virou inimigo número um de uma das classes mais respeitadas e admiradas do país: os funcionários do Banco do Brasil, depois de declarar que vai privatizar o Banco. A divulgação da gravação da reunião ministerial trará ao governo Bolsonaro um prejuízo difícil de pagar. Consequências virão.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: