Pode sim

Surgiu um grande reforço técnico para dissipar as discussões, críticas e denúncias contra os gestores públicos que estão adquirindo alguns tipos de respiradores para equipar centros de saúde que cuidam dos pacientes da pandemia. A Associação de Medicina Intensiva do Brasil – AMIB – atualizou suas recomendações de características técnicas sobre respiradores ditos “de transporte”, aprovando o uso dos equipamentos nas UTIs de socorro contra o novo coronavírus. Médicos da linha de frente no combate à covid-19 aprovaram a chancela da Associação de Medicina, pois, na opinião deles, agora houve o bom senso da urgência acima de tudo.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: