Ninguém me ama, ninguém me quer

O presidente Bolsonaro, que acabou se contaminando com o vírus da Covid-19 depois de abusar de ações irresponsáveis em todos os quadrantes do país, colheu o que plantou. Agora, o seu filho mais aguerrido, o vereador Carlos Bolsonaro, reclama das múltiplas manifestações de ódio quanto à saúde do presidente, e da ausência de vozes em defesa do ilustre paciente. A verdade é que em todo esse tempo de mandato, Bolsonaro não conquistou importantes amizades e apoios; aliás, pelo contrário, praticamente perdeu todos os aliados de peso que tinha. E, de forma contínua, corrói a relação institucional que deveria ter com os outros poderes da República. Aliás, o vereador Carlos Bolsonaro tem razão em um ponto, cresceu muito o sentimento de ódio contra o presidente… atualmente, até as emas do Palácio da Alvorada querem – e tentam – bicar o teimoso capitão.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: