PT e PSDB sofrem novas baixas esta semana

Em São Paulo o Ministério Público Federal denunciou, mais uma vez, o ex-governador Geraldo Alckmin do PSDB. Em Brasília, o ex-governador Agnelo Queiroz do PT voltou a ser denunciado também por corrupção. Como se vê, o PSDB só tem hoje um nome nacional se quiser concorrer à sucessão presidencial: o do governador João Doria. O PT também só tem o ex-prefeito Fernando Haddad, que tem a preferência do Lula. O curioso na apreensão de Brasília foi uma mala de um auxiliar do baiano Agnelo Queiroz que tinha R$ 250 mil. Perde disparado para a mala de Geddel que tinha R$ 52 milhões. Detalhe que em Brasília circula notícia de que Agnelo Queiroz tem um hospital na Bahia. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: