País da rachadinha III

Os filhos do presidente Jair Bolsonaro, que há anos ocupam cargos legislativos, participaram, como a maioria dos vereadores e deputados no país, das festas da rachadinha. Se quiserem preservar seu pai e sua madrasta, Flávio Bolsonaro terá que levantar a bandeira da institucionalização ou criminalização da prática, que ainda é totalmente imoral, mas pouco ilegal, especialmente se houver consentimento das partes.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: