Mais do mesmo II

E, em tempo, o editor deste blog e alguns de seus jornalistas colaboradores já alcançaram a marca de meia centena de anos em atividades profissionais nos mais importantes veículos de comunicação do país, e em tempo algum, mesmo no período militar dos anos 60/70, depararam com um chefe de nação tão despreparado emocionalmente para tratar com opiniões contrárias às suas. Mesmo em tempos duros dos generais carrancudos como Geisel, Figueiredo e Newton Cruz. Naquela época, em contratempos com os veículos de comunicação, esses líderes de alta patente azedavam a relação institucional com a mídia nacional, sempre em uma zanga de forma coletiva… nunca, no individual, com ameaça física, e de corpo presente, ameaçando quebrar a cara de qualquer repórter no exercício de sua atividade. Em resumo: quem nasceu pra capitão, nunca chegará a general, mesmo portando uma faixa presidencial no peito!

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: