Bingo!

Cai o “último bastião” da moralidade carioca. Como já prenunciávamos aqui neste blog, algumas vezes, as investigações sobre corrupção, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro atingiram o ex-prefeito do Rio do Janeiro, Eduardo Paes. Amigo e contemporâneo no poder na época do governador Sérgio Cabral, atualmente preso, Paes entrou de vez, agora, na mira do Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (GAECC). Ontem já foi aceita a denúncia contra ele e, de pronto, já recebeu a polícia cumprindo mandados de busca e apreensão em sua residência. É o início dos problemas para o maneiroso ex-prefeito Eduardo Paes, que aparecia bem nas pesquisas pré-eleitorais. Menos um candidato na disputa pela cadeira de prefeito do Palácio Municipal. E mais uma dor de cabeça para o prefeito de Salvador, ACM Neto, presidente do DEM, que perde seu único candidato no Rio de Janeiro.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: