O grupo Globo volta a sonegar informações por questões financeiras

O escândalo envolvendo advogados e filhos de magistrados, praticado na Fecomércio do Rio no Sistema S, teve alguns nomes não revelados pela Globo. Os ministros Aroldo Cedraz do TCU, pai de Tiago Cedraz, e Humberto Martins, pai de Eduardo Martins, não foram citados pela Globo. O curioso é que durante anos o então presidente da Fecomércio, Orlando Diniz, patrocinou inúmeros e caríssimos eventos do grupo Globo. O fato causa estranheza.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: