Em novembro acaba a fábrica de multas da prefeitura de Salvador

O novo código nacional de trânsito, que entra em vigor no mês de novembro, proíbe que radares fiquem escondidos para multar motoristas. Na Bahia, quem mais fatura com essa armadilha é a Transalvador, criada pelo prefeito ACM Neto que tem nela a sua principal fonte de arrecadação. Para se ter uma ideia, no ano passado, a Transalvador expediu 449.988 notificações de multa. Calculem quanto ela ganhou. Afinal, o ‘pequeno ditador’ é tão ousado que mesmo o governo atendendo, ontem, solicitação da CBF para volta do público aos estádios de futebol com normas, imediatamente ele disse que a Bahia não vai permitir a volta do público aos estádios. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: