Quem chegar primeiro, leva

A corrida pela apresentação da primeira vacina da Covid no Brasil tornou-se a principal peça de sustentação na briga Bolsonaro versus Dória. Por enquanto, o governador de São Paulo está na dianteira, anunciando diariamente para a mídia de todo o país que a parceria do seu governo com a farmacêutica chinesa Sinovac já permitirá a vacinação nos próximos meses. E para preocupar ainda mais o presidente, garante, de imediato, 50 milhões de doses para os paulistas. Mais adiante, vacina quem mais quiser.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: