Um recado para Gilmar Mendes

O ministro Marco Aurélio de Mello foi desmascarado pelo plenário do STF. Decisões duvidosas não são uma marca exclusiva do desmoralizado magistrado, o ministro Gilmar Mendes não fica atrás e é o pole position. Em seu voto a favor da prisão do líder PCC, Gilmar Mendes não deixou de bradar estridente reprimenda contra Luiz Fux pelo ineditismo do processo. Essa enérgica manifestação de Gilmar Mendes não passa de receio que cheguem ao seu pomar de “jabuticabeiras” cheio de decisões liminares, pedidos de vista de subentendidos interesses e frágil sustentação jurídica. Rever decisão liminar de magistrados quando se trata de um atentado ao Estado de Direito não deveria ser “uma excepcionalidade” como justificou o presidente do STF, mas em verdade um procedimento rotineiro pela moralização do STF.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: