Não aliviaram nem na Pandemia

As Universidades continuaram cobrando as mensalidades normais, mesmo na pandemia, quando as aulas acontecem on-line, e as instituições estão com seus custos fixos reduzidos, já que permanecem fechadas. Pais de universitários dos cursos de medicina se uniram e criaram APEMEDBA, uma Associação para combater os aumentos abusivos, estabelecer um canal de diálogo com as instituições de ensino, e conseguir financiamento para garantir a formação dos filhos, mas a entidade não tem conseguido ser ouvida, e mais grave ainda, não consegue o apoio de órgãos oficiais como Ministério da Educação, e nem do Governo da Bahia. Os Pais estão sozinhos nesta, enquanto governos e justiça lavam as mãos.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: