Lula e Dilma estão em alta com o novo governo norte-americano

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, esteve três vezes no Brasil. Em todas as viagens passou por Brasília no papel de vice-presidente de Barack Obama para encontros com Dilma Rousseff, então presidente da República. O primeiro foi no Palácio do Planalto, três dias após visitar o Rio de Janeiro. O segundo durante a Copa do Mundo de 2014. Seis meses depois, voltou a Brasília para a posse do segundo mandato de Dilma no Palácio do Itamaraty. Sempre destacou a sua amizade com a presidente da República e dela diz: “Agora compreendo porque o presidente Obama acha que a presidente Dilma é uma parceira tão boa. Raramente se faz uma visita de Estado aos Estados Unidos”, elogiou Biden. Dilma vai à posse. Não bastasse isso, o ex-presidente Barack Obama, que teve Biden como seu vice e contribuiu decisivamente para a eleição, gosta muito do ex-presidente Lula. Como se vê, com este panorama, o presidente Jair Bolsonaro e seus três filhos vão passar a pão e água nos próximos quatro anos com o novo presidente norte-americano.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: