Quase 40 milhões de brasileiros vão ficar sem o auxílio emergencial a partir de 1º de janeiro

Até ontem, o governo federal não tinha encontrado recursos para substituir o auxílio emergencial que termina no dia 31 de dezembro deste ano. Ontem, técnicos do ministério da economia informaram ao presidente Jair Bolsonaro que até agora não existem recursos. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, pediu que o governo estendesse até o final do ano o auxílio emergencial para seu estado, no valor de 600 reais. Alcolumbre está preocupado com o apagão e com a candidatura do seu irmão à prefeitura da capital Macapá. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: