Relato comovente e o depoimento sobre Lula

No livro, Obama revela que na sua primeira campanha sofreu ataques violentos por parte da mídia conservadora norte-americana. Foi vítima de uma campanha de difamação e que foi acusado desde tráfico de influência a prostituto quando era jovem. Destaca as manifestações de racismo contra ele e Michelle, que chegou a cogitar não aparecer ao seu lado durante a campanha. O livro é uma peça que deve ser lida. No capítulo Brasil, apesar de ser amigo, critica Lula no episódio que a Lava Jato denunciou o ex-presidente. A ex-presidente Dilma Rousseff não gostou e já criticou o extraordinário ex-presidente dos Estados Unidos. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: