Queda de braço adiada

O point turístico Porto Seguro, no sul baiano, não realizará mais festas de réveillon com mais de 200 participantes. O decreto oficial foi assinado, ontem, pela atual prefeita Cláudia Oliveira, colocando fim às bravatas do prefeito eleito Jânio Natal prometendo, de forma recorrente na mídia, mega-réveillons para milhares de turistas. O embate do prefeito eleito com as autoridades estaduais da saúde vai ficar para o verão do ano 2021, depois de sua assunção. Por enquanto, nada de folia com aglomerações, por força de lei. Falta, agora, que os prefeitos das praias do Litoral Norte também acordem pra vida. Coragem e responsabilidade é o que se espera, em vez de ôba-ôba com eleitores.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: