Não dá para esperar 2022 (III)

Sempre reagindo às críticas com ironias e sorriso cínico, assistimos a um show de horrores de Bolsonaro. Não teremos uma vacina mais rápido por um capricho político de um inconsequente. A sociedade, a imprensa, o meio jurídico e nosso inoperante Congresso têm que reagir democraticamente para evitar a continuidade da gestão criminosa da pandemia por um descontrolado e seus fiéis comandados de farda.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: