Um grupo da OAB quer moralizar a instituição

A maioria dos integrantes do Conselho Federal da OAB começou a debater uma proposta de autorregulação, que se for aprovada, obrigará os escritórios de advocacia a denunciar clientes envolvidos com atividades suspeitas às autoridades responsáveis pelo combate à lavagem de dinheiro. O texto define as situações em que os advogados ficariam obrigados a comunicar casos suspeitos e aquelas em que o dever do sigilo profissional da categoria continua se impondo. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: