Ainda dá tempo de evitar o caos

A falta de doses da vacina – qualquer uma – será o “calcanhar de Aquiles” que fará  Bolsonaro e Pazuello padecerem durante um longo tempo da enfermidade do ódio popular. O magro lote distribuído aos estados pelo governo não deu “nem pra melar”… As esperanças imediatas de não ocorrer uma irresponsável e criminosa  “entressafra de doses” estão no STF na mesa de Ricardo Lewandowski, relator de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN) de autoria do Governo da Bahia para concluir, em caráter de emergência, a aquisição da vacina russa Sputnik V. Pelo acordo mantido entre os governos baiano e da Rússia, ainda estão disponíveis para envio imediato, 10 milhões de doses, e mais 40 milhões embarcando logo logo. Entretanto, os russos não esperarão muito tempo com essa reserva destinada ao Brasil. O prazo está esgotando.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: