Aras notifica

Sem nenhuma cerimônia, demonstrando, mais uma vez, que é um servo da Presidência da República, Augusto Aras denunciou apenas Pazuello, que mesmo como general da ativa do Exército, vai ter que depor na Polícia Federal e no Ministério Público Federal. Ele foi à Manaus para distribuir vacinas e diz que não tem dia para voltar. Assim que desembarcar no Distrito Federal receberá a intimação e vai ter que depor. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: