Lira responde a Maia: impeachment só agora?

O deputado federal Arthur Lira afirmou que durante a sua gestão na presidência da Câmara, Rodrigo Maia não colocou em votação 73 pedidos de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro. A declaração de Lira vai repercutir hoje quando os parlamentares estão voltando à Brasília para eleição do dia 1º de fevereiro. Ontem, os melhores jornalistas de eleição no Congresso afirmam ser uma temeridade alguém afirmar ou antecipar quem será eleito ou eleita à presidência do Senado, ou à presidência da Câmara. Nenhum partido tem o comando de suas bancadas. A palavra traição é que está circulando com muita intensidade no Congresso Nacional.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: