Programa de privatização de Bolsonaro sofre mais um desfalque

O programa de privatização que o presidente Bolsonaro anunciou no início do seu governo morreu. Ontem, o presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira, pediu demissão. O presidente do Banco do Brasil já está a caminho. Com isso, as privatizações estão mortas e o mais grave é que o ministro da Economia, Paulo Guedes, anunciou aos quatro cantos do mundo que iria privatizar Eletrobras, Correios e Banco do Brasil. Era tudo mentira. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: