Denúncia grave

Repercute bem a entrevista do governador baiano Rui Costa ao programa Manhattan Connection da TV Cultura aplicando um choque moral em cima da péssima performance da Anvisa no episódio letárgico da liberação das vacinas. Rui lembrou que o órgão federal, no nascedouro da epidemia do país – em março – proibiu a ação da Secretaria Estadual da Saúde de medição de temperatura em passageiros que chegavam ao aeroporto de Salvador. Os técnicos que estavam em ação na pista de chegada de voos internacionais, comandados pelo secretário da saúde Fábio Vilas-Boas, foram barrados e ameaçados por sanções da lei federal. A Anvisa não implantou a barreira sanitária e não deixou a Bahia fazer no início da pandemia. A ausência da ação deu no que deu. Naquele momento, a Anvisa começou a sua trágica hibernação. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: