Brasília, Rio, São Paulo e Londres passam a acompanhar a disputa pela herança de ACM através do seu filho Tota

A decisão da Justiça de paralisar a disputa pela herança de ACM foi o assunto ontem em quatro capitais. Em todas elas pelo prestígio da embaixatriz Lúcia Flecha de Lima e no Brasil por envolver o cacique da Bahia, Antonio Carlos Magalhães. O romance de 30 anos entre a bela e talentosa embaixatriz Lúcia Flecha de Lima com ACM foi acompanhado muito mais nessas capitais do que mesmo em Salvador, já que a ACM, em Brasília, desfilava com a embaixatriz e chegou a se hospedar na mansão de propriedade dela. Para se ter uma ideia, na suíte de Dona Lúcia tinha na cabeceira três porta retratos: um dela ao lado do então presidente dos Estados Unidos Bill Clinton e a primeira-dama Hillary Clinton num jantar com a vice-presidente do Washington Post; no outro a foto de Lady Di e no terceiro a foto de ACM. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: