Moro falou a verdade: Bolsonaro aparelhou a PF

Agora, o Congresso Nacional está em polvorosa com a entrevista do ex-delegado, ex-secretário da segurança pública de Brasília e agora ministro da Justiça às páginas amarelas da Veja, que circula esta semana. Anderson Torres, que é homem de confiança do clã de Bolsonaro, afirma ser a favor da excludente de ilicitude para policiais, uma espécie de licença para matar, defende o direito de todo cidadão ter arma em casa, crítica a anulação do processo contra Lula e considera o momento inoportuno para o funcionamento da CPI da Covid. Ele afirma à Veja que vai requisitar à Polícia Federal informações sobre todas as operações que investigam corrupção nos estados, que vale dizer para atingir os governadores. O que Sérgio Moro antecipou de que Bolsonaro queria aparelhar a PF e causou tanto rebuliço, agora confirmado. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: