Seguro morreu de velho

Alguns secretários estaduais de saúde, sabendo como “a banda toca” para o lado do Ministério, decidiram reter, a partir de agora, metade das cargas da CoronaVac, para garantir as segundas doses. Como ocorre em centenas de cidades do país, apenas na capital da Bahia a fila já é de cerca de 60 mil pessoas, esperando a complementação da vacina em seus braços. Os secretários dizem não confiar mais no calendário e na logística do governo federal. Na Bahia, o secretário estadual da saúde Fábio Vilas-Boas, foi cauteloso “Desde as primeiras remessas do M.S. decidimos usar somente dois lotes integralmente, e os outros armazenamos. E vamos continuar a guardar as segundas doses enviadas”. Conclusão: Em terras do Brasil do Bolsonaro quem só tem uma CoronaVac está perdido!

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: