Sem memória

O caso de agressão à deputada Joice Hasselmann coloca em evidência o uso frequente de medicamentos para “dormir” por parlamentares brasileiros, inclusive os mais jovens. Segundo relatos da própria parlamentar, em entrevistas durante a última semana, ela não se lembra de praticamente nada após ter tomado um remédio. Infelizmente, a falta de memória sempre foi um dos maiores problemas dos políticos brasileiros, que esquecem praticamente tudo o que prometeram e se comprometeram durante suas campanhas. Talvez a culpa, como no caso de Joice, seja dos remédios “tarja preta”. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: