Vida que segue II

Na verdade, decorridos mais de ano e meio de pandemia, o Brasil dá mostras de querer acordar do pesadelo. Até porque a vida tem que continuar. Em três frentes de negócios, vale destacar sinais positivos de avanços: o PRONAMPE liberou cerca de R$17 bilhões em empréstimos para cerca de 220 mil empresas; a CEF concedeu financiamento habitacional no valor de R$65.4 bilhões no primeiro semestre (36% a mais que o período em 2020); e a procura por crédito para o consumidor comum cresceu 26,2% no semestre. Detalhe interessante e significativo foi o crescimento das solicitações de empréstimos para brasileiros com renda mensal de até R$500. O povo que produz – e acredita na nação – dá sinais de recomeço pós-pandemia.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: