A terceira via cada vez mais forte

Há pouco mais de um ano da sucessão presidencial, as pesquisas informam que acabou a polarização entre Lula e Bolsonaro. Os dois, que até agora vinham figurando como postulantes, enfrentam uma profunda rejeição, o que demonstra o crescimento da terceira via. No último final de semana, ela ganhou vulto quando o presidente do Congresso Nacional, o senador Rodrigo Pacheco, começou a merecer destaque pelo equilíbrio, pela cultura e sobretudo pela habilidade política, já com pesquisas que mostram ele com 10 pontos. É hoje o mais respeitável do Congresso Nacional. Um outro novato de destaque é o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, que conseguiu o apoio do seu estado, Rio Grande do Sul e de Minas Gerais, os tucanos estão com ele. Já o governador de São Paulo, João Doria, que está na pista desde o começo, teve uma notícia triste revelada pelo Datafolha: sua rejeição, com 38%. Mas em compensação teve bela notícia quando a ala feminina do PSDB, comandada pela ex-governadora Yeda Crusius, o apoia. Hoje, ele vai a Brasília, sempre acompanhado do seu inseparável secretário baiano Antônio Imbassahy, para fazer sua inscrição no partido. Já o governador Eduardo Leite deverá proceder da mesma forma, o mesmo acontecendo com o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio. São esses os candidatos tucanos que vão disputar para ver quem será o escolhido.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: