A Faroeste continua destruindo o poder Judiciário da Bahia

No bojo desse escândalo o que mais chama atenção é que a Procuradoria-Geral da República, a Polícia Federal e o Tribunal Superior de Justiça continuam colhendo denúncias e dados. A curiosidade é que essa descoberta da rede de espionagem do PT foi que, no passado, começou a destruir a carreira política do ex-todo-poderoso da Bahia, ACM. Foi na esteira desse escândalo que Jaques Wagner foi eleito pela primeira vez, e, a partir daí, o PT está no poder há 16 anos. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: