Warren Buffett ensina como fortalecer a memória

Warren Buffett, um dos investidores de melhor desempenho da história, diz que prefere ler relatórios impressos em vez de usar o computador. Ele está certo. A universidade da Califórnia realizou estudo que compara como o cérebro absorve informações no papel e por meio das ferramentas digitais. O resultado é taxativo: o cérebro memoriza melhor os textos impressos. Buffett é um prodígio de memória capaz de relembrar investimentos de décadas passadas. Fica a lição. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: